quarta-feira, junho 19, 2024
28.3 C
Manaus
InícioGeralSociedadePostos de combustíveis em Manaus terão que ter permissão de moradores?

Postos de combustíveis em Manaus terão que ter permissão de moradores?

Publicado em

Publicidade

A Prefeitura de Manaus, por meio do Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), estabeleceu uma nova exigência para a construção ou regularização de postos de combustíveis na cidade. De acordo com o Decreto nº 5.596, publicado no Diário Oficial do Município em 2 de junho de 2023, será necessário obter a aprovação de mais da metade dos moradores das vias onde o empreendimento será instalado.

Essa medida tem como objetivo desburocratizar e disciplinar os processos administrativos do Implurb, tornando-os mais transparentes e inclusivos. A Lei nº 1838/2014, que trata das normas de uso e ocupação do solo em Manaus, determina que postos de abastecimento e serviços para veículos devem ser construídos a uma distância superior a 100 metros de estabelecimentos com grande concentração de pessoas.

O decreto estabelece que, nos casos em que o terreno do imóvel possui apenas uma “frente” para a via, o requerente deverá obter a aprovação, por meio de assinaturas, de mais de 50% das pessoas que residem em ambos os lados da via no endereço onde o posto será instalado. É importante ressaltar que essa distância de 100 metros deve ser respeitada em cada direção da via, levando em consideração a localização dos tanques de combustíveis.

O mesmo procedimento se aplica aos postos de combustíveis localizados em esquinas e em imóveis com duas frentes de terreno no meio de uma quadra. No caso de áreas com três unidades residenciais, cada uma delas será calculada separadamente para atingir a aprovação da maioria dos moradores.

Para residências horizontais (como casas) e verticais (prédios) com acesso restrito, a aprovação será obtida por meio de uma assembleia ou manifestação do condomínio.

No documento de aprovação, devem constar o nome completo e legível de cada morador, documento de identidade, endereço completo e assinatura. Além disso, é necessário incluir o Termo de Declaração de Veracidade das Assinaturas.

Caso sejam identificadas fraudes ou erros nos documentos de aprovação, as licenças urbanísticas para a construção ou regularização do posto de combustível serão imediatamente canceladas e as medidas administrativas cabíveis serão aplicadas. Essa medida visa garantir a segurança e o bem-estar dos moradores de Manaus, além de promover um planejamento urbano mais participativo e responsável.

Confira o decreto na íntegra:

Leia mais:
Redução do imposto sobre gasolina pode não chegar ao consumidor final no AM

Últimas Notícias

Visitação de carros e motos em leilão pelo Detran-AM começa hoje (19)

O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) começa nesta quarta-feira (19/06) a visitação...

Câmara terá comissão para discussão da PL do aborto, diz Lira

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), informou nesta terça-feira (18) que...

Saneamento em Manaus: tratar o efeito mitiga a consequência, mas não ataca a causa

No último relatório do Instituto Trata Brasil, divulgado este ano, Manaus se destacou negativamente,...

Lula diz que poderá ser candidato para evitar que “trogloditas” voltem ao poder

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta terça-feira que poderá se candidatar...

Mais como este

Visitação de carros e motos em leilão pelo Detran-AM começa hoje (19)

O Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) começa nesta quarta-feira (19/06) a visitação...

Câmara terá comissão para discussão da PL do aborto, diz Lira

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), informou nesta terça-feira (18) que...

Saneamento em Manaus: tratar o efeito mitiga a consequência, mas não ataca a causa

No último relatório do Instituto Trata Brasil, divulgado este ano, Manaus se destacou negativamente,...