sábado, abril 20, 2024
27.3 C
Manaus
InícioGeralConheça as doenças comuns no período de vazante dos rios

Conheça as doenças comuns no período de vazante dos rios

Publicado em

Publicidade

A Fundação de Vigilância em Saúde – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), vinculada à Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), emitiu um alerta esta semana sobre medidas de prevenção para combater doenças durante o período de vazantes no estado, incluindo hepatite A, leptospirose e doenças diarreicas agudas.

De acordo com dados monitorados pelo Departamento de Vigilância Epidemiológica (DVE) da FVS-RCP, no período de janeiro a agosto de 2023, foram confirmados 18 casos de hepatite A, em comparação com 15 casos confirmados no mesmo período no ano anterior.

Em relação à leptospirose, foram confirmados 24 casos até agosto de 2023, representando uma redução de 66,7% em comparação aos 48 casos registrados em 2022.

Durante o período de vazantes, a diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, enfatizou a importância da prevenção dessas doenças, especialmente nas comunidades mais afetadas pela estiagem no estado. Ela destacou que a FVS-RCP está implementando um plano de contingência de vigilância em saúde em colaboração com as secretarias municipais de saúde para reduzir o risco de emergências de saúde pública na população.

O chefe do Departamento de Vigilância Epidemiológica (DVE) da FVS-RCP, Alexsandro Melo, explicou que além das doenças de notificação compulsória, como hepatite A e leptospirose, a instituição também monitora as doenças diarreicas agudas por meio da rede sentinela. Ele alertou a população a procurar uma unidade de saúde caso apresentem sintomas como diarreia, febre e vômito, enfatizando que o atendimento precoce é fundamental para evitar casos graves e óbitos.

Uma medida importante de prevenção recomendada pela FVS-RCP é o uso de hipoclorito de sódio para o tratamento domiciliar da água de consumo humano, especialmente durante o período de vazantes. Esse produto é distribuído gratuitamente pelas secretarias municipais de saúde para aqueles que não têm acesso a água tratada. A orientação é adicionar 2 gotas de hipoclorito de sódio de concentração a 2,5% para cada 1 litro de água, visando melhorar a qualidade da água e prevenir doenças transmitidas pela água.

A conscientização e a adoção dessas medidas de prevenção são cruciais para proteger a saúde da população durante o período de vazantes no Amazonas. Mais informações podem ser encontradas no último informe disponibilizado pela FVS-RCP no seguinte link: https://abrir.link/QZIJ2.

Leia mais:

Siga nosso perfil no Instagram e curta nossa página no Facebook

Últimas Notícias

Isabelle retorna a Manaus neste sábado após o BBB24

Após conquistar o terceiro lugar no Big Brother Brasil (BBB24), da Rede Globo, Isabelle...

Vacinação contra dengue encerra para público de 4 a 59 anos em Manaus

A Prefeitura de Manaus informa que as doses da vacina contra dengue para pessoas...

Veja a programação da Casa de Praia Zezinho Corrêa para o fim de semana

A Casa de Praia Zezinho Corrêa, um espaço gerido pela Prefeitura de Manaus através...

Amazonas: Boletim aponta aumento de casos de Síndrome Respiratória

O Boletim InfoGripe da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgado recentemente, ressalta um cenário preocupante...

Mais como este

Isabelle retorna a Manaus neste sábado após o BBB24

Após conquistar o terceiro lugar no Big Brother Brasil (BBB24), da Rede Globo, Isabelle...

Vacinação contra dengue encerra para público de 4 a 59 anos em Manaus

A Prefeitura de Manaus informa que as doses da vacina contra dengue para pessoas...

Veja a programação da Casa de Praia Zezinho Corrêa para o fim de semana

A Casa de Praia Zezinho Corrêa, um espaço gerido pela Prefeitura de Manaus através...