sábado, março 2, 2024
24.3 C
Manaus
InícioPoderCoronel Menezes é expulso do PL após ofensas a Alberto Neto

Coronel Menezes é expulso do PL após ofensas a Alberto Neto

Publicado em

Publicidade

Nesta quarta-feira (23/08), a Comissão Executiva do Partido Liberal (PL) em Manaus tomou a decisão de expulsar o ex-superintendente da Suframa, coronel Menezes, da legenda. A decisão surge após uma denúncia feita pelo deputado federal Capitão Alberto Neto (PL), alegando que Menezes o chamou de ‘Judas’ durante a votação da reforma tributária, quando Alberto votou contrário ao texto.

O documento que anuncia a expulsão de Menezes do Partido Liberal foi encaminhado ao presidente nacional da sigla, Valdemar Costa Neto, e veio a público nesta quarta-feira. O comunicado, assinado pelo primeiro vice-presidente da comissão, João Augusto Cordeiro Ramos, pontua que Menezes violou dois artigos do estatuto do partido e três artigos do Código de Ética, aplicando-lhe a penalidade de expulsão. “Como consequência, é necessário que se proceda a imediata exclusão do filiado Alfredo Alexandre de Menezes Júnior dos quadros do Partido Liberal”, diz o documento.

A expulsão de Menezes da legenda foi encarada como uma vitória do Capitão Alberto Neto, que estava competindo internamente com Menezes pela candidatura do PL à Prefeitura de Manaus em 2024.

Menezes se posiciona

Em nota publicada nas redes sociais, o ex-superintendente da Suframa afirmou que a decisão do Diretório Municipal do PL, comandado pelo deputado Alberto Neto, já era “esperada e não causou nenhuma surpresa”.

“Vamos agora buscar as instâncias superiores do partido para reverter uma decisão esdrúxula, absurda, descontextualizada e permeada por uma vontade pessoal do parlamentar”, disse Menezes em nota.

Menezes completou a nota citando o artigo 220 da constituição: “A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição. A propaganda comercial encontra proteção constitucional, por ser manifestação da liberdade de expressão e comunicação. […] Uma decisão assim, repleta de vícios na sua origem, fere acima tudo a nossa democracia e os 737.000 mil eleitores que votaram no Coronel Menezes em 2022. Vou buscar incessantemente a reparação desta decisão”, finalizou o militar

Veja a íntegra do documento:

Documento expulsão Menezes do PL

Leia mais:
Quem são os nomes que querem disputar a Prefeitura de Manaus em 2024

Siga nosso perfil no Instagram e curta nossa página no Facebook

Últimas Notícias

Confira os shows da Casa Zezinho Corrêa nos dias 2 e 3

A Casa de Praia Zezinho Corrêa, vai receber, neste fim de semana, seis shows...

Entenda a diferença entre os sintomas de dengue e covid-19

Em meio a uma explosão de casos de dengue e o aumento de infecções...

“Alerta Mulher” tem mais de 2,3 mil mulheres cadastradas

Desde a criação, nenhuma mulher cadastrada foi vítima de feminicídio tentado ou consumado Desempenhando um...

Concurso da Caixa: inscrições já começam; veja como participar

A Caixa Econômica Federal iniciou as inscrições para seu novo concurso, disponibilizando mais de...

Mais como este

Confira os shows da Casa Zezinho Corrêa nos dias 2 e 3

A Casa de Praia Zezinho Corrêa, vai receber, neste fim de semana, seis shows...

Entenda a diferença entre os sintomas de dengue e covid-19

Em meio a uma explosão de casos de dengue e o aumento de infecções...

“Alerta Mulher” tem mais de 2,3 mil mulheres cadastradas

Desde a criação, nenhuma mulher cadastrada foi vítima de feminicídio tentado ou consumado Desempenhando um...