sábado, março 2, 2024
28.3 C
Manaus
InícioGeralInfluenza: 12 pessoas morreram no AM nos últimos cinco meses

Influenza: 12 pessoas morreram no AM nos últimos cinco meses

Publicado em

Publicidade

Novo boletim epidemiológico da síndrome respiratória aguda grave (SRAG) foi divulgado neste sábado (25) e aponta que 79 pessoas com influenza (gripe) tiveram o quadro clínico agravado precisando de hospitalização (podendo ser atendimento ou internação hospitalar) e 12 óbitos foram registrados. A maior parte dos pacientes residem em Manaus (93%).

O boletim analisou casos entre novembro de 2022 e março de 2023, período considerado sazonal para vírus respiratórios no Amazonas, incluindo o vírus da influenza.

As análises têm como base dados do Sistema de Informação de Vigilância Epidemiológica da Gripe (Sivep-Gripe) e o documento é uma produção da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP).

A campanha para a vacinação contra a gripe começa nesta segunda-feira (27) em Manaus, com 171 salas de imunização disponíveis em toda a cidade.

O secretário de Estado de Saúde do Amazonas, Anoar Samad, destacou que, por meio de articulação do Governo do Estado, junto ao Ministério da Saúde, o Amazonas recebeu as vacinas contra a influenza antes das demais regiões brasileiras e alerta para a busca das vacinas por parte da população onde a campanha de vacinação nos municípios já esteja disponível.

“Nós conseguimos antecipar o recebimento das vacinas muito antes que o restante do Brasil. Então, é muito importante que vocês procurem os postos de vacinação das prefeituras e realizem essa dose contra a influenza, porque as complicações, que esse vírus da influenza pode trazer, podem se tornar graves”, destaca o secretário de Saúde.

Perfil dos pacientes

Das 79 hospitalizações de SRAG por influenza, os jovens com idade de 20 anos ou mais apresentaram 44% (35) dos casos. A faixa etária de idosos de 60 a 69 anos apresentou o maior número de hospitalizações para o período, com 16% (13) dos casos, seguida da faixa etária referente às crianças de 1 a 4 anos, com 15% (12).

Conforme o boletim, 58% (46) pacientes apresentaram fatores de risco associados à influenza. Os fatores de risco mais frequentes foram:

  • diabetes;
  • hipertensão;
  • pneumopatias (doenças que afetam os pulmões);
  • cardiopatias.

Entre os sinais e sintomas mais frequentes, entre as 79 hospitalizações, destacam-se:

  • falta de ar;
  • febre;
  • tosse.

Leia mais:
Campanha de vacinação contra gripe começa na segunda (27) em Manaus
AM tem maior nº de novos casos de tuberculose, segundo Ministério da Saúde

Últimas Notícias

Confira os shows da Casa Zezinho Corrêa nos dias 2 e 3

A Casa de Praia Zezinho Corrêa, vai receber, neste fim de semana, seis shows...

Entenda a diferença entre os sintomas de dengue e covid-19

Em meio a uma explosão de casos de dengue e o aumento de infecções...

“Alerta Mulher” tem mais de 2,3 mil mulheres cadastradas

Desde a criação, nenhuma mulher cadastrada foi vítima de feminicídio tentado ou consumado Desempenhando um...

Concurso da Caixa: inscrições já começam; veja como participar

A Caixa Econômica Federal iniciou as inscrições para seu novo concurso, disponibilizando mais de...

Mais como este

Confira os shows da Casa Zezinho Corrêa nos dias 2 e 3

A Casa de Praia Zezinho Corrêa, vai receber, neste fim de semana, seis shows...

Entenda a diferença entre os sintomas de dengue e covid-19

Em meio a uma explosão de casos de dengue e o aumento de infecções...

“Alerta Mulher” tem mais de 2,3 mil mulheres cadastradas

Desde a criação, nenhuma mulher cadastrada foi vítima de feminicídio tentado ou consumado Desempenhando um...