quinta-feira, junho 20, 2024
26.3 C
Manaus
InícioAmazôniaEntenda a exploração de petróleo na foz do Amazonas

Entenda a exploração de petróleo na foz do Amazonas

Publicado em

Publicidade

Luísa Oliveira

A Foz Do Amazonas, é uma bacia que se estende da fronteira marítima do Amapá com a Guiana Francesa até o Pará e que pode ou não conter grandes reservas de combustíveis fósseis de acordo com a Agencia Nacional do Petróleo (ANP).

Alvo de interesse exploratório desde 1963, as atividades na região acontecem há mais de cinquenta anos. De acordo com o ANP, dos quase 100 poços perfurados, apenas 44 geraram descobertas. Durante o mesmo período, na vizinha Guiana Francesa, a descoberta e exploração de reservas instigaram diversas petroleiras a voltarem seus olhos para a bacia brasileira.

A exploração da margem equatorial brasileira já foi considerada um passaporte para o futuro da indústria petrolífera, atendendo a necessidade iminente de descoberta de novas reservas para garantir a sobrevida e autonomia do setor após o declínio nas reservas finitas do pré-sal. Segundo estimativas da Agencia Nacional do Petróleo a área total da Foz do Amazonas poderia conter 14 bilhões de barris de petróleo.

No entanto, além do impacto econômico da exploração da bacia, a sensibilidade ambiental e os fatores socioeconômicos da população local também são levados em consideração.

Ibama nega pedido de permissão de perfuração para exploração duas vezes nos últimos cinco anos

Segurança ambiental, risco de eventuais vazamentos, inconsistências técnicas, erros conceituais, falta de conhecimento e estudos específicos.

A lista de motivos para a negativa do Ibama é baseada na premissa de que sem o conhecimento prévio das condições ecológicas e ambientais da Foz do Amazonas não se pode prever os impactos ambientais de uma possível exploração nas águas profundas, e até que todas essas questões sejam respondidas, a perfuração não pode ser permitida.

Além disso as inconformidades dos planos de ação em caso de vazamentos, que afetariam comunidades internacionais e a população e economia locais, também impossibilitam a permissão e concessão da licença ambiental. A Petrobrás, solicitante da licença desde 2021 segue explorando novas possibilidades enquanto recorre da decisão do órgão.

Leia mais:
Ibama reavalia negativa para exploração na foz do Amazonas
Petrobras vai pedir reconsideração de licença na Foz do Amazonas
Petrobrás quer explorar na foz do rio AM; Ibama diz não

Siga nosso perfil no Instagram e curta nossa página no Facebook

Últimas Notícias

AM é o 3º Estado que mais reduziu roubos de veículos em 2024

Redução significativa foi registrada entre janeiro e abril deste ano O Amazonas se destacou como...

Atletas do ‘Manaus Olímpica’ conquistam medalhas de Natação

Destaque para Pietra Menezes e Gabriel Castro em competição realizada em Salvador Entre os dias...

Pelo quarto ano seguido, AM é estado que mais investe em mestres e doutores

O Amazonas novamente liderou o ranking anual dos estados brasileiros que mais investem na...

Festa dos Visitantes: Como trocar os ingressos?

Ingressos limitados serão disponibilizados nos dias 25 e 27 de junho na Escola Estadual...

Mais como este

AM é o 3º Estado que mais reduziu roubos de veículos em 2024

Redução significativa foi registrada entre janeiro e abril deste ano O Amazonas se destacou como...

Atletas do ‘Manaus Olímpica’ conquistam medalhas de Natação

Destaque para Pietra Menezes e Gabriel Castro em competição realizada em Salvador Entre os dias...

Pelo quarto ano seguido, AM é estado que mais investe em mestres e doutores

O Amazonas novamente liderou o ranking anual dos estados brasileiros que mais investem na...