domingo, março 3, 2024
26.3 C
Manaus
InícioGeralFVS divulga boletim de mortalidade de acidentes de trânsito no AM

FVS divulga boletim de mortalidade de acidentes de trânsito no AM

Publicado em

Publicidade

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) divulgou nesta segunda-feira (31/07) um Boletim Epidemiológico que apresenta dados alarmantes sobre a mortalidade por acidentes de transporte terrestre na região, referentes ao período de 2018 a 2022. O documento tem como objetivo subsidiar intervenções públicas e contribuir para a redução dos índices de óbitos causados por esse tipo de acidente.

Elaborado a partir do Sistema de Informação de Mortalidade, oficial do Ministério da Saúde, o boletim é uma ferramenta da Vigilância em Saúde do Amazonas, por meio da Vigilância de Violências e Acidentes (Viva) da Gerência de Vigilância de Doenças e Agravos Não Transmissíveis (Gvdant), no Departamento de Vigilância Epidemiológica (DVE) da FVS-RCP.

De acordo com a diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, o intuito é apresentar o panorama das mortes por acidentes de transporte terrestre no Amazonas, a fim de embasar medidas públicas específicas para a realidade regional e promover a valorização da vida no trânsito, resultando na redução dos óbitos decorrentes desses acidentes.

“Ao analisar o cenário de óbitos por acidentes de transporte terrestre, os gestores públicos podem implementar medidas que abordem a realidade local de forma direcionada. Na Saúde, os acidentes resultam em lesões graves, incapacitações permanentes e até mesmo óbitos prematuros. É preciso investir em ações de prevenção a acidentes de trânsito para promover a valorização da vida e também prevenir impacto no sistema de saúde”, ressalta Tatyana.

A coordenadora da Vigilância de Violências e Acidentes na FVS-RCP, Cassandra Torres, destaca a importância da ação integrada de instituições para implementar essas intervenções públicas. “É necessária uma abordagem colaborativa que permita a troca de informações, experiências e conhecimentos, que podem levar a uma melhor compreensão dos fatores de risco associados aos acidentes de transporte terrestre no Amazonas”, enfatiza.

Dados

O Boletim Epidemiológico revela que, no período de 2018 a 2022, foram registrados 2.070 óbitos por acidentes de transporte terrestre no Amazonas, representando 13,7% dos óbitos notificados no Sistema de Informação de Mortalidade do estado.

Os dados também mostram uma variação no número de óbitos nesse período, com um aumento de 425 em 2018 para 437 em 2022. Na capital do estado, Manaus, o ano de 2022 apresentou o maior número de óbitos por esse tipo de acidente, totalizando 289. Já no interior do estado, o ano de 2018 registrou o maior número de óbitos, com 166 casos.

O boletim destaca, ainda, que em 2022, os óbitos por acidentes de transporte terrestre foram predominantemente de pessoas do sexo masculino, com idade entre 20 e 49 anos. Metade (50,1%) dos óbitos foram de motociclistas, seguidos de pedestres (26,3%) e ocupantes de automóvel (12,1%). Os dias de maior ocorrência desses acidentes foram sábados, domingos e segundas-feiras, sendo o domingo o dia com o maior registro, totalizando 98 óbitos.

A FVS-RCP coordena o Programa Vida no Trânsito no Amazonas, uma iniciativa conduzida pelo Ministério da Saúde em âmbito nacional, com o objetivo de reduzir lesões e mortes no trânsito. O programa está em processo de expansão e já está sendo implantado em 11 municípios do estado: Manaus, Manacapuru, Rio Preto da Eva, Itacoatiara, Presidente Figueiredo, Tabatinga, Tefé, Maués, Coari, Humaitá e Parintins.

 

Últimas Notícias

Dengue: dicas para vistoriar sua residência em 10 minutos

Apenas 10 minutos são suficientes para checar os locais onde o mosquito Aedes aegypti,...

Audição: cresce número de implantes cocleares no SUS

O implante coclear é uma das opções mais utilizadas na medicina para reverter casos...

“Dia D”: prefeitura de Manaus promove combate a dengue

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), promoveu na manhã...

Paratleta do halterofilismo garante prata no mundial

Maria de Fátima, paratleta de halterofilismo, segue em busca da vaga nas Paraolimpíadas de...

Mais como este

Dengue: dicas para vistoriar sua residência em 10 minutos

Apenas 10 minutos são suficientes para checar os locais onde o mosquito Aedes aegypti,...

Audição: cresce número de implantes cocleares no SUS

O implante coclear é uma das opções mais utilizadas na medicina para reverter casos...

“Dia D”: prefeitura de Manaus promove combate a dengue

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), promoveu na manhã...