segunda-feira, julho 15, 2024
31.3 C
Manaus
InícioGeralHospital Adriano Jorge irá realizar cirurgias bariátricas

Hospital Adriano Jorge irá realizar cirurgias bariátricas

Publicado em

Publicidade

A Fundação Hospital Adriano Jorge (FHAJ) irá realizar 48 cirurgias bariátricas para pacientes da rede pública. O Governo do Amazonas assinou, nesta sexta-feira (03), o contrato que garante a realização do procedimento para casos de obesidade mórbida.

O que faz, então, que a cirurgia seja uma questão de saúde pública, e não um procedimento estético.

De acordo com o secretário de Saúde, Anoar Samad, 48 pacientes serão operados por ano na unidade de saúde, que é referência em cirurgias no Amazonas. Ele destaca que trazer a realização deste procedimento cirúrgico para a rede pública do Amazonas garantirá qualidade de vida para a população que precisa.

“Importante também que a população do SUS (Sistema Único de Saúde) tenha acesso a esse tipo de cirurgia. Uma cirurgia que revolucionou o tratamento da obesidade mórbida e logo depois também tem muita aplicação nos distúrbios metabólicos como diabetes, por exemplo”, esclareceu o titular da SES.

Preparo técnico especializado

O diretor da FHAJ, Ayllon Menezes, explica que, para a realização das cirurgias bariátricas, a fundação conta com equipe multidisciplinar pronta para atender os pacientes durante todo o processo pré-operatório até os procedimentos após a cirurgia.

“Inicialmente são oito pacientes com processo judicializado. Nós vamos iniciar com o ambulatório na semana que vem, no dia 9 de fevereiro. Esses pacientes serão atendidos por uma equipe multidisciplinar composta por médico nutrologista, endocrinologista, psicólogo e cirurgião do aparelho digestivo. Serão atendidos, inicialmente, oito pacientes, e daremos continuidade ao longo do ano”, pontuou.

Procedimento

A cirurgia bariátrica é realizada para o tratamento da obesidade mórbida ou obesidade grave, e das doenças associadas ao excesso de gordura corporal. O procedimento será feito por videolaparoscopia (por vídeo), uma técnica moderna, menos invasiva, que garante uma recuperação mais rápida do paciente.

A partir da assinatura do contrato, os pacientes que já estão aguardando a cirurgia após determinação judicial serão atendidos primeiro e, em seguida, o fluxo de atendimento será definido pela FHAJ em conjunto com órgãos de controle. A prestação de serviço terá duração de 12 (doze) meses, a contar da publicação do extrato contido no Diário Oficial do Estado do Amazonas (DOE).

Últimas Notícias

Governo monta força-tarefa para atender vítimas de incêndio em Nhamundá

Equipes da Defesa Civil, Secretaria de Assistência Social (Seas) e Secretaria de Justiça e...

Em Parintins, PT rompe de vez com PSD e declara apoio a Brena Dianná

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de Parintins declarou apoio à pré-candidatura...

Convocação da lista de espera do Fies é prorrogada para o dia 19

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou o prazo final para a convocação das vagas...

Sine Manaus oferece 300 vagas de emprego nesta segunda (15)

A Prefeitura de Manaus, por meio do Sine Manaus, oferta 300 vagas de emprego...

Mais como este

Governo monta força-tarefa para atender vítimas de incêndio em Nhamundá

Equipes da Defesa Civil, Secretaria de Assistência Social (Seas) e Secretaria de Justiça e...

Em Parintins, PT rompe de vez com PSD e declara apoio a Brena Dianná

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) de Parintins declarou apoio à pré-candidatura...

Convocação da lista de espera do Fies é prorrogada para o dia 19

O Ministério da Educação (MEC) prorrogou o prazo final para a convocação das vagas...