sexta-feira, junho 21, 2024
31.3 C
Manaus
InícioAmazôniaFundo Amazônia libera R$318 milhões para combate ao desmatamento

Fundo Amazônia libera R$318 milhões para combate ao desmatamento

Publicado em

Publicidade

O Fundo Amazônia, gerido pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), está programando a liberação de R$ 318 milhões nos próximos dias para ações de segurança e defesa da Amazônia contra o desmatamento, de acordo com o diretor da Amazônia e Meio Ambiente da Polícia Federal, delegado Humberto Freire.

Uso dos recursos do Fundo Amazônia

Essa primeira parcela será destinada a diversas iniciativas, incluindo a implementação de bases para combater crimes ambientais, o reforço da atuação da Aeronáutica com bases de helicópteros e locação de aeronaves, além do aumento de viaturas policiais.

O projeto prevê que, no total, o Fundo Amazônia destine R$ 1,2 bilhão nos próximos anos para a segurança e defesa da região, somado a outros R$ 800 milhões provenientes de recursos públicos federais. Até o momento, o BNDES não se manifestou sobre o assunto em resposta a um pedido de comentário da Reuters.

“Mudança de Patamar”

O delegado Humberto Freire, defensor de uma “mudança de patamar” na cooperação financeira internacional para combater a criminalidade na Amazônia, integrará a comitiva brasileira na COP28, conferência da ONU sobre mudanças climáticas em Dubai. Em entrevista à Reuters, ele destacou a importância de fortalecer a cooperação transnacional e atrair investimentos estrangeiros para a segurança da região.

Durante o período de janeiro a setembro deste ano, o governo brasileiro registrou uma redução de 56,13% na área desmatada na Amazônia, totalizando 5.705 km², em comparação com os 13.033 km² do ano anterior. Freire espera que, com a retomada do Fundo Amazônia, mais recursos sejam destinados, criando um ciclo virtuoso de investimentos, ações, e redução do desmatamento.

Uma aposta importante da Polícia Federal é o Centro de Cooperação da Polícia Internacional para combater crimes ambientais e narcotráfico na Amazônia, uma unidade em Manaus financiada pelo Brasil, com parte dos recursos provenientes do Fundo Amazônia. O centro reunirá polícias dos oito países amazônicos, e a previsão é inaugurar o local no início do próximo ano.

*Com informações do O Globo

Leia mais:
Cresce número de graduados trabalhando em postos de menos escolaridade
Guarda Municipal de Manaus abre concurso com 200 vagas
Estoque crítico: maternidade pede doação de leite materno

Siga nosso perfil no Instagram e curta nossa página no Facebook

Últimas Notícias

Estiagem 2024: Amazonas deve decretar emergência em 10 dias

Diante do baixo nível dos rios já no início da estiagem, o governador do...

Codam aprova investimento de R$ 698 milhões para o polo industrial

Estimativa de criação de 991 empregos nos próximos três anos e realocação de 403...

Festival de Parintins: Caprichoso Completa 95% dos preparativos

Preparativos avançam na reta final com últimos ajustes Com pouco mais de uma semana para...

Operação da Polícia Civil apreende mais de 1500 produtos falsificados em Manaus

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Crimes contra...

Mais como este

Estiagem 2024: Amazonas deve decretar emergência em 10 dias

Diante do baixo nível dos rios já no início da estiagem, o governador do...

Codam aprova investimento de R$ 698 milhões para o polo industrial

Estimativa de criação de 991 empregos nos próximos três anos e realocação de 403...

Festival de Parintins: Caprichoso Completa 95% dos preparativos

Preparativos avançam na reta final com últimos ajustes Com pouco mais de uma semana para...