sexta-feira, julho 12, 2024
32.3 C
Manaus
InícioGeralSociedadeLula defende restrições à compra de armas e propõe fechamento de clubes...

Lula defende restrições à compra de armas e propõe fechamento de clubes de tiro

Publicado em

Publicidade

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva expressou suas preocupações sobre a política de liberação de compra de armas do governo anterior, afirmando que ela visava agradar o crime organizado e a elite financeira. Em entrevista ao programa semanal “Conversa com o Presidente”, Lula destacou que apenas organizações policiais deveriam possuir locais para prática de tiros e pediu ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, que reduza o número de clubes de tiro no país.

Durante a entrevista conduzida pelo jornalista Marcos Uchôa e transmitida pelo Canal Gov, Lula enfatizou a importância de uma sociedade civilizada e engajada em construções positivas. Ele acredita que o Brasil avançará quando valorizar a educação e a cultura, e não através do armamento.

“Eu acho que nós temos que ter claro o seguinte: por que o cidadão quer uma pistola 9 mm? Por que ele quer? O que ele vai fazer com essa arma? Fazer coleção? Vai brincar de dar tiro? Porque no fundo, no fundo, esse decreto de liberação de arma que o presidente anterior fez era para agradar o crime organizado, porque quem consegue comprar é o crime organizado e gente que tem dinheiro”, argumentou Lula.

Ele ressaltou que o recente Programa de Ação na Segurança (PAS), lançado pelo governo federal, busca um controle responsável das armas, reduzindo o acesso de civis a armamentos e munições, inclusive para caçadores, atiradores e colecionadores registrados.

O presidente enfatizou que a iniciativa busca restabelecer a distinção entre armas destinadas aos órgãos de segurança e as acessíveis aos cidadãos comuns. Além disso, o decreto prevê uma redução na validade dos registros de armas de fogo e uma transferência progressiva da competência de fiscalização das atividades relacionadas a armamentos, do Exército para a Polícia Federal.

De acordo com Lula, a medida visa coibir o acesso indevido a armas, principalmente por parte do crime organizado e daqueles com recursos financeiros, enquanto a maioria da população enfrenta dificuldades econômicas. Nesse sentido, ele argumentou que a compra de armas não é uma prioridade para trabalhadores que lutam para garantir necessidades básicas, como alimentação e educação para seus filhos.

Em consonância com sua visão, o presidente propôs que apenas organizações policiais tenham lugares apropriados para a prática de tiro, e defendeu a redução significativa do número de clubes de tiro no país, restringindo-os aos estabelecimentos das forças de segurança.

Lula encerrou sua entrevista reforçando a importância de um país seguro, onde a população possa viver com tranquilidade e ação responsável, em busca de um Brasil que se desenvolva pela cultura e pelo conhecimento, deixando de lado a cultura das armas.

Leia mais:
PL propõe merenda escolar nos fins de semana e férias
Governo Federal anuncia transferência de 13 líderes de facções do AM para penitenciárias federais
Alckmin assina contrato de gestão do CBA

 

Últimas Notícias

Cetam oferece 9 cursos de qualificação profissional; confira lista

O Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) vai oferecer nove cursos de Qualificação...

Ministra Carmen Lúcia virá a Manaus no dia 29 de julho

No 29 de julho, Manaus receberá a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra...

Inscrições para Corrida ‘AMMP + AMAZON 2024’ no dia 16

Corrida acontece no dia 21 de julho em Manaus As inscrições para a 5ª Corrida...

Como funciona a PEC da Anistia aprovada pela Câmara dos Deputados

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira, em dois turnos de votação, uma Proposta...

Mais como este

Cetam oferece 9 cursos de qualificação profissional; confira lista

O Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam) vai oferecer nove cursos de Qualificação...

Ministra Carmen Lúcia virá a Manaus no dia 29 de julho

No 29 de julho, Manaus receberá a presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra...

Inscrições para Corrida ‘AMMP + AMAZON 2024’ no dia 16

Corrida acontece no dia 21 de julho em Manaus As inscrições para a 5ª Corrida...